Esperando o Outono Chegar!!!!

bolbos


Adoro quando chega o Outono e suas cores,as podas que teremos que fazer em determinadas plantas,os bulbos...ah! os bulbos são um capitulo á parte,eles e suas flores perfumadas e coloridas fazem do Outono
uma estação superestimada.bulbos1aqui vão os meus queridinhos.
lírios,tulipas,jacintos,narcisos.
Narciso: bulbo verdadeiro, aumenta de volume a cada ano, até atingir um tamanho máximo, são produzidos, então, outros bulbos que se ligam ao maior. Essas divisões podem ser separadas e guardadas para  plantar posterior. A época ideal para colher os bulbos de narciso é quando suas folhas caem naturalmente. Ao separar os bulbos menores do bulbo não faça a operação à luz do sol, para que eles não se sequem. É indicado para cultivo nas regiões frias do país.
Lírio: na primavera, plante seus bulbos no jardim. Reproduzem -se por bulbilhos, minúsculos bulbos que aparecem nas axilas das folhas.
Tulipas e Jacintos: no nosso clima requerem condições especiais de cultivo, normalmente só possíveis  em estufas.
Aprenda a fazer o plantio de bulbos
Eles podem viver durante anos, florescendo em períodos anuais e hibernando durante uma fase do ano. Assim são os bulbos que, para produzir flores vistosas, repetem todos os anos um ciclo de vida
O plantio do bulbo marca o início de suas fases de vida. Após algumas semanas as raízes começam a se desenvolver para absorver os nutrientes da terra. Depois dessa fase, a folhagem cresce e surgem os primeiros botões de flores. No auge do crescimento, as flores se abrem. Quando as folhas e flores secam, o bulbo deve permanecer na terra. A partir daí inicia-se um período de dormência e, então, recomeça o seu ciclo natural.
Como escolher um bulbo saudável
Use o polegar e o indicador para apertar suavemente o bulbo: ele deve mostrar-se firme e não parecer oco.
Faça opção por bulbos que não tenham sinais de desenvolvimento de novas raízes em sua base. Caso esteja brotando, verifique se as pontas em brotação estão firmes.
A gema deve estar livre de partes mofadas e sem apresentar manchas ou sinais de insetos. Fique atento também para sua camada externa, conhecida como túnica, que deve estar intacta, sem escamas.
Em bulbos duplos, saiba que o menor poderá não florescer por um ou dois anos.
Armazenamento
Armazene o bulbo em local seco e fresco se não puder plantá-lo imediatamente.
Em um ambiente seco coloque-os em uma bandeja forrada com areia ou papel, separando uns dos outros. Identifique as caixas com etiquetas indicando a data e sua espécie.
Locais frescos (mas ao abrigo de geadas), estufas ou garagens são excelentes lugares para armazená-los. O movimento de ar auxilia na prevenção de doenças, mas evite áreas com fortes correntes de ar.
Plantio de bulbos em canteiros
A maioria dos bulbos necessita de sol pleno. Escolha os menores para frente dos canteiros e próximos a caminhos ou gramados, assim suas folhagens não criarão problemas de invasão.
Não plante bulbos em condições climáticas não-adequadas, como por exemplo, períodos de chuva intermitente, com o solo muito frio ou molhado. Nesse caso, armazene-os até que o tempo melhore.
Para que as plantas cresçam saudáveis, os bulbos necessitam de umidade adequada o ano inteiro. A terra deve ser regada de duas a três vezes por semana. Durante verões secos, regue-os regularmente.
Os bulbos devem ser plantados com profundidade equivalente entre três e cinco vezes o seu tamanho. Se as temperaturas de inverno forem muito frias ou o verão muito seco, plante-os ligeiramente mais fundo. Se você for comprar o bulbo em lojas de jardinagem, fique atento às instruções no pacote.
Uma boa drenagem é condição fundamental para sua sobrevivência. Se o plantio for em solo molhado e argiloso, coloque uma camada de 2,5 cm de areia grossa no fundo da vala ou da cova individual de plantio. Com esse cuidado, evita-se o surgimento de fungos, que são fatais para os bulbos.
 
Para evitar doenças causadas por fungos não plante bulbos – que floresçam no começo da primavera – antes do fim do outono.
Em solo muito seco, os bulbos poderão não florescer, podendo até morrer. Para melhorar a retenção de umidade do solo, coloque uma camada de 3,5 cm de composto umedecido no fundo da vala ou de cada cova de plantio.
Para economizar tempo e espaço, plante vários bulbos em uma única cova grande. Bulbos assim plantados terão aspecto menos formal do que os plantados individualmente.
Plantio em vasos
Uma boa drenagem é fundamental. Faça furos extras no fundo dos vasos se não houver o suficiente.
Cuidado especial com lírios
Os bulbos de lírios são famosos por sua tendência em apodrecer em épocas de muita umidade. Se a água acumular em volta das escamas da túnica, os bulbos morrem rapidamente.
Ao plantar lírios, coloque uma camada de 2,5 cm de cascalho fino na cova de plantio. Isso estimulará a drenagem de excesso de água.
Para reduzir a probabilidade de apodrecimento, plante os bulbos de lado, assim a água não ficará retida no colo da planta.
Como fazer a manutenção
Após alguns anos, as touceiras tornam-se muito densas e precisam ser divididas. Retire-as durante o período de dormência das espécies e replante os bulbos em grupos irregulares. Para identificar o local das touceiras marque-as com uma vara de bambu ou uma placa de identificação.
Separe os bulbos menores dos bulbos-mãe e as escamas externas soltas da túnica. Descarte os exemplares que não tenham uma aparência saudável.
Não descarte os bulbos que se formam ao redor dos maiores. Plante-os em local separado até que tenham atingido seu tamanho natural.
Flores de bulbos*
 
Bulbos
Local de plantio
Profundidade
Espaçamento
Período do plantio até o florescimento
Altura da flor
Período de florescimento
Período do ciclo
AgapanthusSolCobrir o broto20x20cmFloresce Out/Nov/Dez100cm a 120cm20 a 25 dias365 dias
AmaryllisSolAté a borda20x20cm20 a 30 dias40cm a 70cm20 a 25 dias240 dias
AngélicaSol5cm20x20cm90 a 120 dias80cm15 a 25 dias180 dias
FrésiaSol5cm10x10cm90 a 100 dias40cm a 60cm20 a 25 dias180 dias
GladíoloSol7 a 10cm10x10cm60 a 70 dias80cm a 120cm20 a 30 dias150 dias
Helicônia RostrataSol10cm80x80cm180 dias150cm a 250cm70 a 80 dias365 dias
HemerocallisSolAté a borda20x20cm60 a 70 dias40cm a 80cm20 dias365 dias
LírioSol10cm20x20cm70 a 80 dias60cm a 100cm15 a 20 dias210 dias
NarcisoSol5cm15x15cm30 dias30cm a 40cm15 a 20 dias180 dias
 
Retire a touceira do solo usando garfo de mão. Para touceiras maiores, ou muito profundas, use um garfo grande. Faça isso com o máximo de cuidado para não machucar os bulbos e descarte os que estiverem danificados.
Gladíolos, amarílis e lírios são apenas alguns exemplos de flores que nascem a partir de bulbos. Plantados em covas individuais podem ser transplantados em vasos. Mas após o período de floração plante-os no jardim.
peguei na net.http://www.soldeamor.com/faca_facil/jardim_bulbos.htm

Comentários